Coronavírus: Silas Malafaia diz que não fechará templos por conta da pandemia

 

O pastor Silas Malafaia utilizou as redes sociais para afirmar que não irá suspender os cultos das igrejas que lidera por conta da pandemia do Corona Vírus. Segundo ele,  “mesmo que o governo diga que vai parar trem, fechar mercado, fechar tudo. Assim mesmo a igreja tem que estar de porta aberta”.

O líder religioso afirmou que se fecharem as igrejas ele irá recorrer à justiça, alegando o livre exercício de cultos religiosos garantido na forma da lei. “Eu quero avisar aos governadores e prefeitos de qualquer cidade onde eu tenho igrejas, que se os senhores quiserem fechar as igrejas que eu sou pastor, tratem de ir na justiça pegar uma liminar, pois vocês não têm autoridade”, afirmou o pastor.

A publicação do pastor teve uma repercussão negativa nas redes sociais, onde usuários o acusam de irresponsável por manter os cultos. Alguns famosos também fizeram postagens pedindo para pastores não realizarem cultos. Em uma outra publicação, o pastor Silas Malafaia responde as acusações. “Acusação inescrupulosa e leviana dizendo que está denunciando que pastor não quer fechar igreja por causa de arrecadação. Se tem uma igreja moderna e tecnologia de dízimo e oferta é a minha, eu não estou preocupado com isso. Se já não basta ímpio nos acusar, vem gente do próprio meio fazer acusações levianas”, relatou o pastor.


Da Redação
Foto: Redes Sociais

Compartilhar:

Deixe seu Comentário