ARACAJU TERÁ UM PREFEITO EVANGÉLICO?

 

 

Lúcio Flávio Rocha é membro de uma igreja evangélica e pré-candidato nas eleições municipais

 

 

Nesta semana, a imprensa de Aracaju noticiou um novo nome a disputar a vaga da prefeitura da capital sergipana, e o assunto mexeu com o tabuleiro político das eleições. O pré-candidato da vez é o empresário Lúcio Flávio Rocha, membro da igreja Verbo da Vida, que colocou o seu nome à disposição para concorrer a Prefeito de Aracaju.

Lúcio Flávio tem 41 anos, é casado e tem 2 filhos. É graduado em Comunicação Social, com Habilitação em Publicidade e Propaganda pela Unit e Pós-graduado em Marketing pela UFS.

Nesta entrevista ao Cristão News, Lúcio Flávio revela um pouco das suas bandeiras e de seus planos.

Cristão News: Lúcio, o que te levou a pensar em se candidatar a assumir a Prefeitura de Aracaju?
R- Eu atuo na defesa dos valores que acredito há cerca de 10 anos. Durante todo este tempo eu jamais cogitei ocupar cargos públicos. Nunca fui filiado a partido algum. No início deste ano, alguns amigos em Brasília me orientaram que eu me filiasse em um partido político, e assim o fiz. Acontece que, com a aproximação do período de campanha eleitoral, alguns eleitores mais alinhados ao que se chama de “conservadores” ou mais ligados aos valores cristãos, não se viam empolgados para votar nos candidatos que se apresentavam até então. Foi então que surgiu o apontamento do meu nome em alguns agrupamentos políticos e eu aceitei. Foi tudo muito natural e orgânico, sem nenhuma “forçação” de barra.

Cristão News: O que você chama de “conservadores”?
R- São as pessoas que defendem os valores cristãos na política, como por exemplo: contra o aborto, contra o uso de drogas, contra a ideologia de gênero, defesa da liberdade religiosa.

Cristão News: Você acha que fé e política podem andar juntas?
R- Não tenho dúvida. Quantos casos temos na Bíblia? José? Davi? Depende da vocação. Acho que cada um tem um chamado em uma área específica e a política é uma destas áreas. E acho que o povo de Deus deve estar muito atento ao seu voto. A bíblia diz que quando o ímpio domina, o povo geme. Olha que coisa linda, por exemplo, ver o trabalho da Ministra Damares Alves. Ou a defesa aguerrida de nosso povo cristão que era feita pelo ex-Senador Magno Malta.

Cristão News: Você inclusive é conhece os dois, tanto a Damares quanto o Magno, não é?
R- Sim. Conheço a Damares desde antes de ser Ministras. Quando ela vinha aqui dar as palestras gratuitas dela em defesa da vida, das crianças, dos jovens, dos índios. Me apaixonei pelo trabalho dela. O Magno eu conheci durante a campanha do Presidente Bolsonaro. Fui apresentado a ele pelo meu querido amigo Pastor Antônio dos Santos. Foi desta amizade que o Magno me levou até a casa de Bolsonaro. Foi lá que eu conheci o nosso presidente.

Cristão News: Qual a sua opinião sobre o fechamento das igrejas?
R- Sou contra. Dei várias entrevistas afirmando que eu achava arbitrário e incoerente o Prefeito e o Governador fechar as igrejas e abrir motéis. Nenhuma igreja poderia ter sido fechada por político nenhum. Quem deve decidir se a sua igreja está apta e segura para funcionar é o padre ou pastor, que são as autoridades eclesiásticas para este fim. É um absurdo sermos impedidos de exercer nossa comunhão sem que isto passe por nossos líderes, apenas com uma canetada de um governante.

Cristão News: Você já atuou em algum departamento em sua igreja?
R- Sim. Por muito tempo fui um cristão domingueiro de banco de igreja, até que senti uma imensa vontade de contribuir mais. Na antiga igreja que eu frequentava, eu atuei no ministério de casais e na escola bíblica de jovens. Já na minha atual igreja, já fui da central de atendimento, do ministério da família e do grupo de empreendedores. Também passei a contribuir por um tempo comunicação da igreja, que é a minha área de formação. Não há nada mais gratificante do que servir à obra, ser usado por Deus nos planos Dele.

Cristão News: Você já fez algum curso de aprofundamento teológico ou estudo da bíblia?
R- Sim. Sou muito inquieto e bastante curioso. Sou graduado no Centro de Treinamento Bíblico Rhema Brasil, um curso de 2 anos de duração. Hoje estou cursando a Escola de Ministros Rhema. Já chegamos à metade do curso. Em uma das matérias, um dos professores falou que o ministério não é um lugar confortável para quem não tem apreço à leitura. Gostei muito de ouvir isto. Concordo plenamente.

 


Compartilhar:

Deixe seu Comentário