Acidente ocorreu no sábado (10), enquanto um culto era realizado no local

As histórias de super-heróis voltaram a fazer parte do cotidiano da cultura pop após a enxurrada de filmes, seriados e desenhos animados na última década. As editoras Marvel e DC, que dominaram o mercado por mais de meio século enfrentavam sérias dificuldades com uma grande queda nas vendas.

Em meio a esse “renascimento” da indústria nos últimos anos, vários personagens foram “reinventados” e as revistas relançadas, com nova numeração.

O número 41 de “Superman”, lançado em fevereiro nos Estados Unidos, traz um diálogo dele com o seu filho Jonathan (Jon) enquanto ambos tentam salvar o planeta Galymayne da destruição. O roteiro, escrito por James Robinson, mostra o super-herói discutindo sua crença em Deus com o menino, que faz parte do reboot do personagem.

Quando Jon pergunta a seu pai: “Você acredita em Deus?”, a resposta não é direta, mas indica que ele crê em um “ser superior”. O diálogo remete às muitas experiências do Superman lutando contra centenas de criaturas, muitas vindas de universos diferentes.

Superman e seu filho Jonathan

Curiosamente, a história de James Robinson, desenhada por Ed Benes mostrou no número anterior (40), os habitantes de Galymayne submetendo-se ao deus Dhermet, que pede o sacrifício do planeta. Em um determinado momento, Superman sente-se enfraquecido pelas “orações” dos habitantes do planeta, mostrando que elas teriam sobre ele um poder similar à da Kryptonita.

Compartilhar:

Deixe seu Comentário